Infecção dentária é coisa séria!

Muitas vezes, uma infecção dentária pode ser confundida com sinusite, quadro bacteriano em que há inflamação das cavidades em torno das vias nasais, causando dor e sensação de peso na face.


Geralmente, o paciente tem um canal tratado há um bom tempo e não apresenta sintomas iniciais, o que faz com que ele demore a relatar o problema ao dentista.




Como a infecção dental pode identificada? Durante o exame clínico, o dentista pode observar um inchaço na gengiva que reveste o local da infecção ou até a drenagem de pus. Além disso, através de um raio-X é possível confirmar a infecção endodôntica.


Confirmado o quadro, o dentista pode decidir pelo tratamento conservador, com uso de antibióticos e o retratamento do canal, ou pela extração do dente, principalmente em pacientes de idade avançada ou com a saúde debilitada, para garantir o rápido fim do foco de infecção, preservando as estruturas próximas e prevenindo o surgimento de doenças sistêmicas.



PROFA. DRA. MAYRA ZAMBONI QUITERO

CRO 95.220

Tem grande experiência em clínica odontológica e em Dentística Restauradora.

Formada pela Faculdade de Odontologia da USP-SP.

Mestre e Doutora em Dentística pela Faculdade de Odontologia da USP-SP.

A PERFEIÇÃO ESTÁ NO EQUILÍBRIO.

SAIBA MAIS SOBRE TRATAMENTOS

SAIBA MAIS SOBRE ASSUNTOS

Você também vai gostar de ler: